5 Problemas de Saúde que afetam o ganho ou a perda de peso

5 Problemas de Saúde que afetam o ganho ou a perda de peso

Está perdendo peso ou ganhando sem razões aparentes? Conheça algumas condições de saúde que podem estar por trás dessas mudanças.

Ganhar 1 quilinho aqui e perder outro ali é totalmente normal, mas algumas condições de saúde agem de maneira silenciosa e precisamos ficar sempre atentos aos sinais físicos que nosso corpo apresenta. Ganhar ou perder peso em quantidade de maneira rápida e sem razão aparente é um sinal que deve ser percebido e investigado por um profissional.

Abaixo, veja cinco doenças que causam rápido ganho ou perda de peso e as opções de tratamento para elas. Lembre-se: sempre consulte um médico para fazer o diagnóstico correto e receitar o melhor tratamento para você.

Diabetes

Diabetes
Diabetes

O diabetes ocorre certa deficiência na produção de insulina. Existem dois tipos da doença, o tipo 1, também é conhecida como diabetes juvenil e apresenta uma falta total de insulina no organismo, e o tipo 2, que ocorre quando há uma disfunção na produção insulínica e a quantidade secretada não é suficiente. Uma das causas mais comuns da diabetes tipo 2 é a obesidade, que faz com que a insulina produzida pelo corpo não seja capaz de abaixar o índice glicêmico. Já o tipo 1 pode ocorrer devido ao desenvolvimento de uma doença autoimune que destrói as células produtoras da substância no pâncreas.

Para tratar a diabetes tipo 1 é necessário fazer aplicações de insulina diariamente, isso geralmente faz com que o paciente perca peso mais facilmente ou tenha dificuldade para engordar, pois sem a insulina necessária para absorver a glicose, o corpo passa a quebrar a gordura e músculos para gerar energia. Outros sintomas comuns a ela são urinar em excesso e ter muita sede. No tipo 2, o tratamento acontece, a princípio, por medicamentos orais que estimulam a produção do pâncreas e pelo emagrecimento. Alguns dos sintomas dessa versão são o aumento de peso, mesmo para pessoas que já são obesas, e a elevação do índice glicêmico rapidamente”, diz Antônio Carlos.

Hipotireoidismo e Hipertireoidismo

A tireoide é uma das principais glândulas secretoras de hormônios do nosso organismo. Ela produz o T3 e o T4, que influenciam em diversas funções do corpo. Porém, quando há algum problema que impede a produção da quantidade necessária dessas substâncias, ocorre o chamado hipotireoidismo. Essa condição causa a diminuição da atividade corporal como um todo, podendo influenciar no raciocínio, frequência cardíaca, trabalho intestinal e na lentidão do metabolismo no geral. Com a velocidade reduzida do metabolismo, o organismo acaba gastando menos energia, o que favorece o aumento de peso.

O hipotireoidismo pode ocorrer por uma agressão autoimune à glândula da tireoide, que acontece quando o sistema imunológico entende que algo está errado naquela área e passa a atacá-la. Além disso, pode ser uma condição congênita, quadro que deve ser identificado pelo exame do pezinho aplicado em recém-nascidos. O tratamento para essa doença é feito com a reposição hormonal, que deve começar assim que o problema for diagnosticado. Um caso famoso desta doença é o do jogador de futebol Ronaldo, o fenômeno que ao pendurar as chuteiras alegou que sofria com o problema, o que explicava o seu ganho de peso mesmo sendo um atleta de alto rendimento.

Por outro lado temos o hipertireoidismo que é a secreção em excesso dessas substâncias, uma condição contrária ao hipotireoidismo. Esse problema leva ao aumento das funções metabólicas do organismo, que gera a aceleração do ritmo cardíaco, tremor nas extremidades, insônia, olhos esbugalhados e elevação geral das atividades corporais. Devido a essa aceleração exagerada do corpo, o hipertireoidismo pode ser responsável por um emagrecimento excessivo. Pessoas com hipertireoidismo geralmente tem muita dificuldade para ganhar peso.

LEIA TAMBÉM: CONFIRA OS NÍVEIS NORMAIS DE TESTOSTERONA PARA O HOMEM DE ACORDO COM A IDADE

Síndrome do ovário policístico

Essa condição é um distúrbio hormonal que gera várias alterações no organismo feminino, inclusive o aumento do ovário e o surgimento de pequenos cistos. Ainda não há confirmação exata sobre as causas dessa síndrome, porém ela está constantemente associada a fatores de risco como a resistência à insulina, que ocorre quando as células não absorvem da maneira correta essa substância. Mulheres que possuem essa condição, podem apresentar uma elevação de testosterona no corpo, o que causa o aparecimento de pelos, acne e irregularidade na menstruação. Além disso ganham peso com mais facilidade.

LEIA TAMBÉM: OS MELHORES SUPLEMENTOS PARA MULHERES – GUIA COMPLETO

Doença celíaca

Quem aí tem um amigo que não pode comer nada com glúten? A doença celíaca é uma condição que ocorre quando há uma intolerância permanente ao glúten causada por uma doença autoimune. Quando o paciente celíaco consome a substância, acontece uma lesão na mucosa do intestino delgado, órgão responsável pela absorção dos alimentos. Esse machucado, que é chamado de atrofia vilositária, leva à má captação dos nutrientes e, consequentemente, a perda de peso.

A principal maneira de controlar a doença é evitar o consumo de glúten através de uma dieta restritiva.

Conclusão

Acima listamos apenas 5 problemas de saúde que podem interferir no ganho ou perda de peso. Caso você note que está emagrecendo demais ou engordando muito rápido, procure um médico e faça os devidos exames. Alguns tipos de câncer também estão relacionados a mudanças repentinas no peso corporal.

Compartilhe este artigo e compartilhe saúde! Grande abraço a todos!

ATENÇÃO: Este artigo serve apenas para fins informativos e não se destina a fornecer assistência médica.

Sobre o autor

Planeta do Corpo

Os artigos com a assinatura "Planeta do Corpo" são escritos pelos nossos editores, leitores ou profissionais que disponibilizam seus conteúdos afim de contribuir com o Blog. O Planeta do Corpo é um portal informativo 100% gratuito. Todos os nossos artigos estão relacionados a suplementos alimentares, nutrição esportiva, musculação e saúde. Gostaria de colaborar com o conteúdo do site ou anunciar aqui? Entre em contato através do e-mail contato@planetadocorpo.com

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.


*